10 de Agosto de 2022

Jornalista russa acusa Maradona de assédio em São Petersburgo

O ex-jogador Diego Maradona foi acusado nesta segunda-feira (03) de assédio contra uma jornalista. O atual técnico do Al Fujairah, da Segunda Divisão dos Emirados Árabes, foi convidado pela Federação Internacional de Futebol (FIFA) para assistir a final da Copa das Confederações, em São Petersburgo, e estava alojado em um hotel na cidade russa. De acordo com informações do portal G1, na madrugada de domingo (01) para segunda (02) Ekaterina Nadolskaya afirmou que ele tentou assediá-la durante uma visita da moça ao alojamento do argentino. Segundo ela, a sua intenção era apenas entrevistá-lo.

Em um vídeo divulgado pela imprensa russa, Ekaterina diz que começou a gritar após o argentino ter tirado parte da sua roupa, e ter ameçado molestá-la. A assessoria de imprensa do hotel afirmou que não faria declarações sobre o episódio, e também não confirmou se Maradona realmente estava hospedado no local. 
O site"Life.ru" publicou uma foto do encontro entre Ekaterina (de preto) e Maradona no restaurante do hotel na noite de domingo. 

Whatsapp

Ultimas notícias

Galeria

Bahia Farm Show apresenta exposição fotográfica sobre as belezas do Oeste da Bahia
Exposição aproximará startups agrícolas de investidores privados
Ver todas as galerias

Artigos