19 de Dezembro de 2018

Deputados do PT pedem que PGR aprofunde investigações contra filho e esposa de Bolsonaro

Os deputados Paulo Teixeira (PT-SP) e Paulo Pimenta (PT-RS) enviaram proposta hoje (6) à Procuradoria-Geral da República de uma representação criminal contra o deputado estadual Flávio Bolsonaro (PSL-RJ) e Michelle Bolsonaro, filho e esposa do presidente eleito, Jair Bolsonaro, respectivamente.

Na representação, os deputados pedem que a procuradora-geral Raquel Dodge aprofunde investigações "acerca da origem e destinação" de R$ 1,2 milhão que foram movimentados pelo policial militar Fabrício José Carlos de Queiroz, ex-assessor e motorista de Flávio Bolsonaro. A movimentação financeira, que levantou suspeitas do Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf), foi noticiada hoje (6) pelo Estadão.

"Esses valores [que passaram pela conta do ex-motorista de Flávio Bolsonaro] não era um mensalinho? Era o quê?", questiona o deputado Paulo Pimenta. No documento, ele ainda pede que seja apurada a participação de Flávio Bolsonaro e de Michelle Bolsonaro "em possíveis ilícitos criminais".

Whatsapp

Ultimas notícias

Galeria

Imagens de 'close' inédito da Grande Mancha Vermelha de Júpiter
FOTOS HISTÓRICAS QUE VOCÊ PROVAVELMENTE NUNCA VIU
Apresentações e treinos no Vitória
Ver todas as galerias

Artigos