14 de Novembro de 2018

Janot critica 'intolerância' e declara voto em Haddad

O ex-procurador geral da República Rodrigo Janot declarou, hoje (27), voto em Fernando Haddad, candidato do PT à presidência. Em publicação em rede social, Janot afirma que decidiu voto "por exclusão" e criticou "discurso de intolerância".

 

O ex-procurador geral da República Rodrigo Janot declarou, hoje (27), voto em Fernando Haddad, candidato do PT à presidência. Em publicação em rede social, Janot afirma que decidiu voto "por exclusão" e criticou "discurso de intolerância".

"Já fui chamado de petista e antipetista. Já fui psdebista e anti também. Houve muita especulação sobre meu interesse eleitoreiro na minha atuação profissional. Nada se comprovou. Agora, não posso deixar passar barato discurso de intolerância e etc. Por exclusão, voto em Haddad", escreveu o ex-procurador.

Mais cedo, o ex-ministro do Supremo Tribunal Federal, relator do mensalão, Joaquim Barbosa anunciou apoio ao petista.

 

Fonte: Metro1

Whatsapp

Galeria

Imagens de 'close' inédito da Grande Mancha Vermelha de Júpiter
FOTOS HISTÓRICAS QUE VOCÊ PROVAVELMENTE NUNCA VIU
Apresentações e treinos no Vitória
Ver todas as galerias

Artigos