23 de Junho de 2018

Auditoria deve investigar fraudes no sistema de bilhetagem de ônibus em Salvador

A Agência Reguladora e Fiscalizadora dos Serviços Públicos (Arsal) instaurou uma comissão para realizar uma auditoria sobre o sistema de bilhetes eletrônicos do transporte coletivo de Salvador. Uma pesquisa foi realizada e mostrou a comercialização de 48,2 mil passagens de integração.

 

A Agência Reguladora e Fiscalizadora dos Serviços Públicos (Arsal) instaurou uma comissão para realizar uma auditoria sobre o sistema de bilhetes eletrônicos do transporte coletivo de Salvador. Uma pesquisa foi realizada e mostrou a comercialização de 48,2 mil passagens de integração.

De acordo com a comissão, os cartões com créditos eram carregados e comercializados nos terminais de ônibus pelos autores das fraudes. Ainda segundo os investigadores, o crédito é vendido a um usuário com a primeira passagem por um valor menor ao da tarifa oficial e, em seguida, comercializada com outro passageiro. Essa segunda, por decreto, é de graça. Na auditoria, foi constatado que os usuários costumam receber ameaças e são coagidos a comprarem as passagens da integração.

 

 

Fonte: Varela Notícias

Whatsapp

Ultimas notícias

Galeria

Imagens de 'close' inédito da Grande Mancha Vermelha de Júpiter
FOTOS HISTÓRICAS QUE VOCÊ PROVAVELMENTE NUNCA VIU
Apresentações e treinos no Vitória
Ver todas as galerias

Artigos